Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial IIoT

Encontrar formas de modernizar a atuação industrial, com o auxílio das novas tecnologias, tornou-se uma tarefa bem mais fácil, sobretudo quando comparamos a contemporaneidade com os anos iniciais da indústria.

Essa modernização está associada à construção de uma indústria mais eficiente, segura e que dê maior retorno para os investidores.

Nesse sentido, uma ferramenta que tem acelerado essa modernização e feito muito bem para a indústria em geral é a Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial, também abreviada como IIoT.

Este é o assunto do nosso artigo, onde refletiremos sobre a IIoT e seus impactos na indústria contemporânea, bem como algumas das perspectivas de futuro.

Qual é o significado da sigla IoT?

IoT é uma abreviação de Internet of Things. Em português, essa expressão pode ser entendida como Internet das Coisas. Essa é uma tecnologia líder e que tem passado por uma ascensão bastante significativa.

Ao lado da IoT está a IIoT, uma sigla para Industrial Internet of Things, ou seja, Internet das Coisas Industrial.

O que é internet das coisas?

Internet das Coisas é uma tecnologia que tem ganhado cada vez mais espaço, já que representa o cume da evolução tecnológica na atualidade. 

Essa tecnologia consiste em uma rede de dispositivos conectados via internet (IoT device), que fornecem dados valiosos para tomadas de decisão e, em alguns casos, possibilitam o controle à distância.

Dentro do guarda-chuva de Internet das Coisas, existem as soluções residenciais (como interruptores e câmeras que são controlados à distância), prediais (como caixas d’água que enviam dados de volume de água para os dispositivos cadastrados), de entretenimento e, por fim, industriais.

Diferença entre IoT e IIoT

À Internet das Coisas aplicada à realidade industrial dá-se o nome de Industrial Internet of Things, também representada pela sigla IIoT. A diferença, portanto, entre IoT e IIoT está apenas na aplicação.

Enquanto a primeira pode ser aplicada em diversos contextos, como os já citados no subtítulo anterior, a segunda consiste em soluções para a indústria de forma geral. Algumas dessas aplicações são: produção inteligente, gerenciamento de energia e manutenção preditiva.

Como funciona a Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial

A Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial funciona a partir da reunião de diversos dispositivos que, conectados, enviam dados e podem ser controlados através de sistemas normalmente baseados em uma nuvem.

Isso significa que a distância já não é uma barreira para a indústria. Durante a pandemia da COVID-19, por exemplo, muitos profissionais puderam acompanhar certos processos e máquinas à distância, graças à Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial.

Na base do funcionamento da Internet das Coisas Industrial está a presença de sensores nas máquinas e equipamentos, que fazem justamente a coleta e análise de dados industriais e informações.

Aplicações da Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial

A Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial pode ser utilizada em contextos muito diversos, sempre representando uma eficiência maior para os processos industriais, sobretudo pela diminuição do tempo de inatividade das máquinas.

Além disso, a possibilidade de controle remoto também é uma grande vantagem. Mas aprofundaremos tudo isso ainda no desenvolvimento deste artigo.

Por enquanto, basta conhecermos algumas das aplicações da Industrial Iot – Internet das Coisas Industrial:

Produção inteligente

A mão de obra especializada nunca deixará de ser necessária à indústria. No entanto, a presença da tecnologia permitirá que as fábricas sejam muito mais conectadas e integradas, sobretudo no que diz respeito aos dados e à eficiência.

Com a Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial, os sistemas e equipamentos de produção são integrados, permitindo uma comunicação mais eficiente entre si, com geração de dados que podem ser acessados de qualquer lugar do mundo, desde que haja conexão com a internet.

Isso dá a gestores e líderes uma visão ampliada do processo de produção, de modo a facilitar uma tomada de decisão mais assertiva.

Gerenciamento de energia

Destacamos, ainda, a interação entre a Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial e a gestão de energia, afinal, não é segredo para ninguém que fábricas e indústrias consomem um alto volume de energia, o que naturalmente gera gastos elevados com esse item.

Ao utilizar a internet das coisas no monitoramento de energia, algumas pequenas implementações podem ser aplicadas, resultando em economias significativas, além de diminuir os impactos ambientais das indústrias.

Manutenção preditiva

A manutenção preditiva está na base de uma indústria saudável, já que evita gastos excessivos com manutenção e casos de problemas e panes, além de evitar paradas não programadas.

Quando as máquinas são integradas a um sistema de Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial, a geração de dados em tempo real permite, através de algoritmos específicos, identificar possíveis problemas em segundos, tornando a manutenção preditiva mais eficiente, rápida e integrada ao dia a dia da empresa.

sensores manutencao preditiva

6 Benefícios da Industrial Iot – Internet das Coisas Industrial

Somente a partir das aplicações das Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial, já observamos que esses elementos são, per se, grandes benefícios da utilização desse tipo de tecnologia.

Ao ter uma produção mais inteligente, os reflexos negativos de problemas não precocemente identificados ou, então, as paradas não previstas, são diminuídos drasticamente.

Esses são, no entanto, apenas os reflexos diretos da implantação da Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial. Podemos, ainda, destacar os benefícios indiretos à produção, como por exemplo:

1. Maior eficiência

Com a aplicação da Internet das Coisas na realidade industrial, os equipamentos poderão ter seus dados coletados e otimizados a partir de uma visão estratégica e gerencial. Recursos como eletricidade, gás e água poderão ser objetos desse tipo de otimização.

A eficiência é mãe da redução de custos, o que é uma boa notícia para gestores e departamentos financeiros. 

Essa redução também está associada à possibilidade de encontrar alternativas de fontes de energia, por exemplo, o que é possibilitado através dos dados levantados e sua análise.

2. Menor inatividade

A manutenção preditiva e os relatórios e informações utilizados para monitorar as máquinas e equipamentos, o tempo de inatividade é reduzido drasticamente

Na realidade industrial, essa inatividade é reflexo de possíveis problemas que obrigam a realização de paradas não programadas.

Com o uso correto da Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial, o tempo de inatividade poderá ser diminuído, evitando prejuízos à produtividade da empresa. 

Quando há paradas excessivas, a receita das empresas é prejudicada, justamente porque há atrasos de entrega e até cancelamento de pedidos e contratos.

3. Controle remoto

Entre todos os benefícios, a possibilidade de controle remoto é a menina dos olhos da Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial. 

A conexão com a internet permite que os equipamentos industriais sejam controlados de qualquer lugar do mundo, desde que haja o software adequado, como o Thingworx.

Há, ainda, a possibilidade de automatização, já que, pelos controles da Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial, pode-se iniciar um cronograma de ações ou condicionar certos movimentos a alguma condição variável.

4. Maior segurança

A conexão à internet pode representar alguns riscos para uma fábrica, afinal, quem nunca foi vítima de um vírus que impactou negativamente o funcionamento de um computador pessoal, por exemplo.

Ou, ainda, quantas não são as histórias de invasões a servidores de empresas por parte de hackers que, mais tarde, tentaram vender essas informações novamente para as organizações.

Pode parecer, a princípio, que a Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial seria negativa nesse sentido. 

Mas é o exato contrário: já existem recursos suficientemente maduros para evitar problemas relacionados à segurança. Basta utilizá-los de forma correta para evitar qualquer imprevisto.

5. Tomada de decisões mais inteligentes

Os sensores associados a Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial permitem coletar dados a níveis bem profundos. 

Essa coleta permite a utilização dos dados de forma inteligente, sobretudo a partir das soluções de Big Data.

A partir dos dados coletados, as decisões serão mais fundamentadas, aumentando a eficiência das mesmas. 

Também torna-se possível, por exemplo, a previsão de dados futuros e preparação com antecedência da resolução de possíveis problemas.

6. Maior retorno de investimentos

No final das contas, os impactos financeiros da Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial são os elementos que mais chamam a atenção dos gestores e das empresas.

A partir do que dissemos até aqui, como é o caso da diminuição no consumo de energia, gás, água, etc., além da implantação de uma manutenção preditiva mais eficiente e a tomada de decisão mais assertiva, fica evidente que o retorno sobre os investimentos são otimizados e podem colocar a empresa à frente da concorrência.

Setores impactados pela Industrial Iot – Internet das Coisas Industrial

Além das várias aplicações já citadas até aqui, a Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial permite impactos bastante significativos em toda a realidade das indústrias, como nas análises em tempo real, monitoramento das cargas e jornadas de trabalho, visão computacional, otimização da produção e automação de funções.

Nesse sentido, muitos setores podem ser beneficiados pela Internet das Coisas Industrial, como por exemplo:

FABRICAÇÃO
PETRÓLEO E GÁS
UTILIDADES
LOGÍSTICA
EDIFÍCIOS INTELIGENTES

Maneiras de utilizar a Industrial Iot – Internet das Coisas Industrial

O conteúdo do nosso artigo já conseguiu deixar bem claro algumas das maneiras da utilização da Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial. No entanto, vale a pena dedicarmos um subtítulo somente para explorar um pouco mais isso.

Confira, a seguir, algumas maneiras de utilizar a Industrial LoT – Internet das Coisas Industrial:

 

Produção

A produção inteligente impacta diretamente os resultados da produção, em geral, e é exatamente por essa razão que as tecnologias de internet das coisas estão sendo implantadas prioritariamente nesse setor.

Através dessas tecnologias, as máquinas podem ser monitoradas e problemas podem ser previstos com bastante antecedência, entregando, como já exploramos acima, uma eficiência muito mais.

Cadeia de suprimentos

A gestão do estoque e de suprimentos torna-se facilitada com a Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial, já que é possível monitorar a quantidade de itens presentes no estoque e, melhor ainda, automatizar a encomenda de novos itens assim que os números no estoque estiverem diminuindo.

 

Gestão predial

As indústrias também poderão beneficiar-se da internet das coisas a partir de uma gestão predial simples e segura

Através de sensores e funções de automatização, elementos como controle climático, abertura de janelas, acendimento de luzes e recursos de segurança (como alarme e câmeras de monitoramento), poderão ser controlados à distância com muito mais eficiência.

Saúde

Não é incomum, em grandes indústrias, haver a atuação de profissionais de saúde e, em alguns casos, até uma pequena clínica para primeiros socorros.

A Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial permite que os cuidados de saúde sejam realizados com muito mais eficiência, sobretudo a partir do monitoramento de dados como batimentos cardíacos e pressão.

 

Comercial

E até os resultados comerciais de uma indústria são beneficiados pela Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial, já que será possível automatizar contatos com clientes e preparar a equipe comercial com dados mais eficientes.

Conclusão

Com tudo o que vimos até aqui, percebemos que a Internet das Coisas Industrial é mais um avanço da indústria 4.0, e empresas que buscam aderir à transformação digital precisam considerar a implantação da Industrial IoT – Internet das Coisas Industrial em seus processos.

Quer uma ajuda com isso? Conte com a ProConcept, especialista em ações que aceleram a transformação digital da sua empresa. Entre em contato para mais informações.

Fale com nossos especialistas:

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.